Governo dos Açores recebeu cerca de 800 candidaturas para apoios devido à seca

O Governo dos Açores revelou que já recebeu cerca de 800 candidaturas de agricultores aos apoios disponibilizados pelo executivo para combater as perdas causadas pela seca que afeta a região.

O secretário regional da Agricultura e Florestas, João Ponte, anunciou que, até agora, o Governo Regional já recebeu 800 candidaturas de agricultores aos apoios que o executivo lançou para colmatar os efeitos da seca, de acordo com uma nota de imprensa.

Os pedidos correspondem a «uma área superior a 3.500 hectares, para apoio à perda das culturas de milho forrageiro, e cerca de 130 candidaturas de produção de hortícolas, correspondendo a vários milhares de parcelas afetadas», avançou o secretário regional, acrescentando que «há mais candidaturas onde se verifica maior seca, como é o caso das ilhas Terceira e São Miguel».

João Ponte acompanhou uma equipa técnica que procedia à avaliação dos prejuízos declarados pelos agricultores, na freguesia dos Fenais da Luz, concelho de Ponta Delgada, mas adiantou que só no final do prazo das candidaturas, que terminam a 6 de setembro, é que o Governo Regional irá decidir o valor a ser atribuído por hectare.

Apesar das candidaturas ainda estarem a decorrer, já estão a ser feitos esforços de avaliação dos danos. O dirigente adiantou que já foram feitos 15 por cento dos controlos e que, nas próximas semanas, estes vão ser intensificados, tendo ainda prometido «dar mais celeridade nos trabalhos de campo sem pôr em causa a avaliação correta dos prejuízos».

Para além do apoio que pretende minimizar os prejuízos das culturas de milho forrageiro e produtos hortícolas afetadas pela seca, foram também criados apoios para a importação de alimentos. «Já publicámos uma portaria para o apoio de 10 mil toneladas e vamos renovar, de imediato, este apoio em igual montante», garante o titular da pasta da agricultura.

A importação de palha e fenos prensados tem sido feita de acordo com o número de animais por ilha e em colaboração com as cooperativas.

  • Quem Somos

    Associação dos Jovens Agricultores Micaelenses

     

    Associação sem fins lucrativos, destinada a informar e contribuir para a valorização técnica, empresarial e cultural dos Jovens Agricultores Micaelenses.

     

  • Tempo em PDL

  • Simulador de Leite

  • Preços Gasóleo

    Preços 1 janeiro 2018

    Normal – 1.23€

    Agrícola – 0,72 €

Bem Vindo À

Associação de Jovens Agricultores Micaelenses